Desenvolvimento Pessoal

Transtorno de Ansiedade Social: O que é e Como Tratar?

Transtorno de Ansiedade Social

Transtorno de ansiedade social é definido pelo medo extremo de interação com outras pessoas, bem como o medo do julgamento e de ser examinado em situações sociais.

A ansiedade social é o terceiro maior problema de cuidados de saúde mental, e leva a sentimentos de inadequação, inferioridade, humilhação e até mesmo depressão.

Milhões de pessoas sofrem com esta condição traumática e estima-se que 7% da população sofre com essa doença.

Sintomas da Ansiedade Social

Os sintomas vão além de timidez ou desconforto em certas situações.

Diferente do nervosismo do cotidiano, a ansiedade social inclui medo, ansiedade e sensação de evasão, interferindo no trabalho, escola e outras atividades.

Outros sintomas são:

  • Medo de situações onde pode ser julgado;
  • Preocupação com vergonha ou humilhação;
  • Ter medo de interagir e falar com estranhos;
  • Evita fazer coisas ou falar com pessoas por medo de constrangimento;
  • Voz tremula e suor em situações sociais;
  • Passar o tempo analisando seu desempenho e identificar falhas em suas interações.

Em crianças, a ansiedade social pode se manifestar em interações com adultos ou colegas, sendo mostradas por choros, sofrimentos ou se recusando a falar em situações sociais.

Outros sintomas do transtorno de ansiedade social incluem sintomas físicos, como: Batimentos cardíacos acelerados, náuseas, problemas com folego, tontura, diarreia e tensão muscular.

As experiências cotidianas se tornam especialmente difíceis.

Alguns exemplos são: Usar banheiro público, fazer contato direto, comer na frente de outros, participar de festas ou encontros sociais e até mesmo relacionamentos amorosos.

Os sintomas da ansiedade social podem mudar ao longo do tempo e eles podem acender se você estiver enfrentando muito estresse ou exigências.

Então, embora você se sinta melhor em um curto período de tempo, é provável que a sua ansiedade persista se não receber um tratamento.

Ansiedade social tem cura

Não há soluções rápidas para superar a ansiedade social.

Muito disso envolve lentamente quebrar cada medo individual e transformar os pensamentos negativos em pensamentos neutros para que você não esteja vendo eventos sociais como sendo esmagadoramente negativos.

Também é preciso muita bravura para superar a ansiedade social, o que implica que você precisa se comprometer antes de começar.

Se você se deixar voltar aos seus velhos hábitos, fica muito mais difícil lidar com esse problema.

Como tratar a ansiedade social?

Ansiedade Social tem cura

A boa notícia é que a terapia cognitivo-comportamental para a ansiedade social tem sido marcadamente bem sucedida.

Pesquisas e evidências clínicas indicam que a terapia cognitivo-comportamental, que deve ser abrangente, produz alterações permanentes na vida das pessoas.

transtorno de ansiedade social pode ser superado, embora tenha consistência e persistência.

Mas, exceto os problemas cognitivos (por exemplo, demência, doença de Alzheimer), todos podem progredir contra a ansiedade social usando um tipo apropriado de terapia cognitivo-comportamental.

Um programa de terapia bem-sucedido para transtorno de ansiedade social deve abordar as dezenas de métodos cognitivos, estratégias e conceitos que permitirão que os cérebros das pessoas (ou seja, suas associações cerebrais ou caminhos neurais) mudem literalmente.

O cérebro está continuamente aprendendo, e os pensamentos e crenças irracionais podem mudar como resultado deste processo cognitivo.

Um bom programa de terapia irá fornecer as estratégias necessárias e específicas, bem como indicar às pessoas como e por que elas precisam praticar, trabalhar e começar a aceitar pensamentos racionais, crenças, emoções e percepções.

Encontre ajuda para enfrentar o transtorno de ansiedade social

A ansiedade social, bem como os outros transtornos de ansiedade, pode ser tratada com sucesso.

Ao buscar apoio para este problema, procure um especialista – alguém que (a) entenda bem este problema e (b) tenha experiência sobre como tratá-lo.

Torne-se um cliente informado e faça perguntas.

Por exemplo, o terapeuta entende que você se sente muito consciente de si mesmo e que outros estão assistindo e formando uma avaliação negativa sobre você?

Ou eles minimizam o que você está dizendo e apenas dizem: “Não, não, não, você está bem … você está apenas exagerando …” ou espera que você vá e faça “exposições” não razoáveis?

É verdade que as pessoas que têm essa doença sentem como se outros as observassem e julgassem, mas muitas das vezes nossa mente é irracional e acabamos exageramos.

Nossa autoconsciência é um sentimento e é muito real.

Existem diversas opções de terapias, por isso é importante pesquisas sobre todas elas.

Read More
Desenvolvimento Pessoal

7 Dicas de Chá para Ansiedade e Nervosismo

Chá para ansiedade

Com os problemas do dia a dia nos consumindo cada vez mais, a ansiedade está se tornando um problema mais comum do que se imagina, e a forma mais segura de lidar com isto são os chás para controlar a ansiedade.

Porque os chás são as melhores opções? Além de ser uma solução segura e natural, você não precisará recorrer a medicações controladas, e um fato é que medicação para ansiedade aumenta em 36% o risco de mortalidade.

Neste artigo iremos falar quais os melhores chás para ansiedade para que você possa relaxar e se acalmar.

1ª opção de chá para ansiedade: Chá de Menta

O primeiro chá contra ansiedade recomendado é o chá de menta.

Este chá ainda ajuda a reduzir o estresse, além de aliviar a ansiedade e o mentol é um relaxante muscular natural.

Beba o chá todos os dias antes de dormir para aproveitar todos os seus efeitos relaxantes.

Isso ajudará a dormir melhor depois de um dia intenso.

Porém, mulheres grávidas não podem beber o chá, pois aumenta o risco de aborto espontâneo.

Para fazer o chá, pegue algumas folhas frescas de hortelã e triture um pouco.

Coloque 1 colher de sopa de hortelã para cada xícara de água fervente. D

eixe em infusão por cerca de 4 minutos e beba.

2ª opção de chá para ansiedade:  Chá de Camomila

A camomila é o melhor chá para insônia e ansiedade.

Assim como o chá de menta, a camomila tem grandes benefícios para os músculos e reduz a irritabilidade.

Pegue um pouco de camomila seca ou fresca e deixe em uma chaleira com água fervente por cerca de 3 a 5 minutos e beba.

3ª opção de chá para ansiedade:  Chá de Melissa

O chá de melissa, também conhecido como balsamo de limão, é um ótimo chá natural para a ansiedade.

Por ser da mesma família da menta, também leva um leve sabor de limão.

Suas propriedades reduzem o hormônio cortisol (responsável por produzir o estresse) e relaxa o corpo, além de aumentar o bom humor.

Para preparar o chá de melissa, você pode utilizar tanto folhas frescas quanto o sachê.

Coloque uma xicara de água fervente e deixe em infusão por alguns minutos.

4ª opção de chá para ansiedade:  Chá Verde

O chá verde contém uma substancia chamada polifenol, que ajuda combater a ansiedade e o estresse.

Embora tenha muita cafeína, o chá verde é adaptável e o mantém alerta.

Para preparar o chá verde, adicione meia de colher de sopa das folhas em uma xícara com água fervente.

Deixe em infusão por 10 minutos e beba.

5ª opção de chá para ansiedade: Flor de Maracujá

O chá de flor de maracujá é um ótimo excelente remédio natural para a ansiedade e o estresse, por causa das substancias contidas no maracujá que possuem diversos benefícios calmantes.

A flor de maracujá também ajuda você a ter um sono tranquilo.

Embora seja seguro, bebês, crianças e mulheres grávidas devem evitar este chá.

Para fazer o chá é bem simples, basta pegar 1 colher de sopa da flor e deixar ferver com água em uma chaleira.

Deixe por 10 minutos e beba.

6ª opção de chá para ansiedade: Chá de rosa branca

A rosa branca, também conhecida como rosa centifólio, também é uma grande aliada para reduzir a ansiedade e o estresse.

O chá alivia a sua mente e o seu efeito calmante ajudará você a dormir melhor.

Apesar de pouco conhecido, é um dos melhores chás contra ansiedade.

O chá de rosa branca pode ser feito com as pétalas secas ou frescas.

Basta adicionar as pétalas em água fervente e deixar em infusão por cerca de 5 a 10 minutos.

Lave bem antes de fazer o chá.

7ª opção de chá para ansiedade: Erva cidreira

Além de conter um sabor muito bom, a erva cidreira é utilizada há muitos séculos para gerenciar a ansiedade e o estresse.

Mas tome cuidado para não exagerar na dose ou o efeito pode ser o contrário.

Para fazer o chá é muito simples: Basta pegar alguns ramos da erva cidreira e deixar em infusão com água fervente por cerca de 5 a 10 minutos.

O chá pode ser tomado todos os dias antes de você dormir.

O tratamento com chá para ansiedade é comprovadamente eficaz.

Mas fique atento caso os sintomas persistem, procure um médico ou um terapeuta caso sinta necessidade de outras alternativas.

Read More
Desenvolvimento Pessoal

Aprenda Como Controlar a Ansiedade na Gravidez

Como controlar a ansiedade na gravidez

A gravidez pode ser um momento de muito estresse e ansiedade por diversos motivos.

Mas a ansiedade na gravidez se torna um problema realmente grave quando ocorre com frequência e sem controle (Transtorno de Ansiedade Generalizada) ou em episódios de ataques de pânico.

As alterações hormonais comuns na gravidez fazem com que a futura mamãe se sinta assustada e desconfortável, causando estrago em suas emoções.

Veja os principais sintomas da ansiedade na gravidez:

  • Não conseguir relaxar;
  • Sentir-se irritada com frequência;
  • Sem capacidade de controlar pensamentos ansiosos;
  • Sentir-se nervosa e ansiosa com muita frequência;

Algumas mulheres ainda sentem sintomas físicos, como:

  • Batimentos cardíacos acelerados;
  • Tontura;
  • Tensão ou dor nos músculos;
  • Suor excessivo;
  • Sensação de formigamento nos dedos e nos lábios.

Como lidar com a ansiedade na gravidez?

Assim como são necessários cuidados extras para garantir que você esteja fisicamente saudável, o mesmo deve se aplicar à sua saúde mental.

Você pode se sentir muito culpada por sentir ansiedade em um momento tão feliz, mas lembre-se sempre que a ansiedade na gravidez não é culpa sua!

Sempre fale dos seus sintomas ao seu médico, ele sabe que é comum transtorno de ansiedade na gravidez e ele irá mostrar os melhores tratamentos para você.

Como controlar a ansiedade na gravidez?

Crise de Ansiedade na Gravidez

A ansiedade não só prejudica a mulher, mas também a ansiedade na gravidez pode prejudicar o bebê.

Por isso, é importante conhecer algumas técnicas que irão lhe ajudar a gerenciar seus sintomas, como:

Técnicas de Relaxamento

Reservar um momento para relaxar todos os dias ou até mesmo algumas vezes por dia irá ajudar a controlar as crises de ansiedade na gravidez.

Fazer algum exercício físico ou simplesmente ficar quieta e se concentrar em sua respiração é uma ótima maneira para começar a relaxar.

Uma técnica muito utilizada é a meditação mindfulness (atenção plena).

Para fazer a meditação mindfulness, respire e tente se concentrar nos sons, cheiros e visões ao seu redor, sem nenhum julgamento.

Pode parecer difícil no início, por isso, tente localizar um local tranquilo para fazer a meditação.

Encontre uma autoajuda

Existem muitos recursos online disponíveis para ajudá-la a controlar a ansiedade na gravidez, que variam desde vídeos de meditação até cursos e livros.

Você pode procurar o seu médico para pedir uma recomendação sobre o que ver.

Fale sobre como você está se sentindo

Compartilhar os seus sentimentos com alguém de sua confiança irá ajudá-la a sentir-se mais segura.

Tente conversar o seu parceiro ou até mesmo uma amiga ou membro da família sobre como está se sentindo neste momento tão delicado.

Você também pode procurar grupos de suporte em redes sociais ou fóruns.

Faça um diário

Isso irá ajudar a identificar quaisquer desencadeantes para a sua ansiedade e gerenciar os sintomas.

Talvez a ansiedade surja em uma determinada hora do dia ou quando você realiza uma atividade em particular.

Um diário poderá ajudá-la a acompanhar os momentos em que controlou as crises de ansiedade na gravidez com sucesso e saber como o seu corpo e a sua mente funcionam.

Experimente outras terapias

Muitas mulheres relatam como o uso de terapias complementares são muito uteis.

Você pode tentar massagem, aromaterapia, tratamento à base de ervas e outros tratamentos caseiros que ajudam na ansiedade.

Porém, sempre consulte o seu médico antes de experimentar qualquer coisa.

Procure ajuda o mais rápido possível

Se você identificou os sintomas de ansiedade e ainda assim não apresentou sinais de melhora, é hora de procurar um médico especialista.

Não espere o bebê nascer, pois a ansiedade na gravidez está ligada também à depressão pós-parto.

Então, embora a ansiedade e a depressão não ocorram necessariamente juntas, elas estão relacionadas.

Aprendendo como controlar a ansiedade antes de seu filho nascer, você aumentará as chances de poder desfrutar ao máximo os alegres primeiros meses.

Por fim, tente lembrar-se que você saberá o que fazer quando o seu filho chegar.

Mesmo sendo mamãe de primeira viagem, o instinto é o seu aliado e o seu bebê precisará do seu amor mais do que qualquer coisa.

 

Read More
1 2